FANDOM


Mulan destaque
Mulan é a 36ª longa-metragem de animação dos estúdios Disney, considerado um clássico, lançado em 1998. O filme narra a lenda de Fa Mulan, extraída de um clássico da literatura chinesa chamado Poema de Mulan. A história se passa em um período de conflitos.

O filme arrecadou 200 milhões de dólares somente nos Estados Unidos e mais de 310 milhões de dólares pelo mundo, superando os antecessores Hércules e O Corcunda de Notre Dame.thumb|300px|rightA história se passa no ano 450 d.C., quando o vilão Shan-Yu, líder dos Hunos (na verdade os Xiongnu), invade a China Imperial, revoltado com a construção da Grande Muralha. O Imperador ordena que um homem de cada família seja convocado para servir ao exército e ajudar na expulsão dos invasores. A jovem Fa Mulan, sabendo que seu pai, o ex-soldado Fa Zhou, está velho e doente e, portanto, não resistiria à guerra, decide assumir o lugar dele, se disfarça de homem e se apresenta no exército com a armadura e a espada de seu pai. Os ancestrais da família Fa sabem que se seu segredo for descoberto ela será condenada à morte por traição e decidem mandar o Grande Dragão de Pedra (uma espécie de deus supremo da Mitologia Chinesa) para trazê-la de volta. Mas o dragãozinho Mushu, cuja única função no templo é fazer soar o gongo para acordar os outros ancestrais, quebra acidentalmente a estátua do tal dragão ao tentar fazê-la ganhar vida e, temendo a ira dos ancestrais, resolve, às escondidas, ajudar Mulan a voltar vitoriosa da guerra e assim conseguir se tornar guardião da família.


  • Trilha sonoraMulan apresenta trilha sonora de Jerry Goldsmith e cinco canções de Mathew Wilder (música) e David Zippel (letra), com um tema planejado para Mushu, mas foi deixado de lado com o envolvimento de Eddie Murphy[1]. A trilha sonora do filme é creditada por iniciar a carreira da cantora pop Christina Aguilera, cuja primeira canção a ser lançada nos EUA foi sua rendição de "Reflection", o primeiro single da trilha sonora de Mulan. A canção, os vocais de Aguilera, foram tão bem recebidos que ela conseguiu um contrato com a RCA records [2]. Em 1999, ela lançou seu álbum de estréia, no qual Reflection também foi incluso. Assim como a sua própria, a versão pop de Reflection tem 2 versões em espanhol, por cauda do filme ter duas versões separadas em espanhol para a Espanha (cantada por Malú e América latina (cantada por Lucero). Outras versões internacionais incluem a versão brasileira de Sandy & Júnior ("Imagem"), uma versão coreana cantada por Lena Park e uma versão em mandarim por Coco Lee.

Lea Salonga, a dubladora de canto de Mulan no filme, também é a voz de canto da Princesa Jasmine em Aladdin. A música apresentada na cena do corte de cabelo, frequentemente chamada de Mulan Decision, é diferente na trilha sonora do álbum. A trilha sonora do álbum usa um orquestra enquanto a filme usa sintetizador. A versão do sintetizador está disponível na edição limitada do CD[3] . Salonga que gosta de cantar músicas de filmes em seus concertos, tem feito um medley que climatiza com uma versão expandida de Reflection (não a mesma que a de Aguilera). Salonga também proveu a voz de canto para Mulan na sequência do filme, Mulan II. A canção "I'll Make a Man Out of You" foi cantada por Donny Osmond, que comentou que seus filhos decidiram que ele finalmente "entrou" no show business quando entrou em um filme da Disney[4].